Equações Estruturais via PLS-SEM ou via CB-SEM?

A Modelagem de Equações Estruturais começou a ser utilizada em marketing nos anos 80, mas nos últimos anos essa técnica se tornou muito popular devido ao interesse de muitos pesquisadores em analisar múltiplas relações entre fatores inobserváveis. O CB-SEM é um método mais conhecido, enquanto que o PLS, apesar de ser menos popular, tem sido cada vez mais aplicado em diferentes áreas das ciências devido ao fato de ser um modelo mais robusto.

Leia também: O que é Modelagem de Equações Estruturais?

Em nossos artigos anteriores foram abordados alguns aspectos da Modelagem de Equações Estruturais, mas no artigo de hoje iremos tratar sobre como escolher entre as duas abordagens mais utilizadas para Equações Estruturais: o PLS-SEM (Partial Least Squares SEM) e o CB-SEM (Covariance-Based SEM).

Leia também: Um exemplo de Equações Estruturais via PLS

Objetivos

Como já vimos anteriormente, a abordagem CB-SEM é usada principalmente para confirmar (ou rejeitar) teorias. Esse método desenvolve uma matriz de covariância teórica baseada em um conjunto de equações específico, focando em estimar o modelo de forma que a diferença entre a matriz de covariância teórica e a matriz de covariância estimada seja minimizada.

Já a abordagem PLS é usada principalmente para desenvolver teorias em pesquisas exploratórias ou em extensões de teorias já existentes. Esse método é similar a uma análise de regressão múltipla, em que a modelagem é feita visando maximizar a variância explicada dos constructos latentes dependentes em uma modelagem causal.

Características dos dados

A estimação do modelo pelo CB-SEM requer um conjunto de suposições a serem preenchidas (normalidade multivariada dos dados, tamanho mínimo de amostra, etc), sendo que quando essas suposições são violadas, os resultados podem ser altamente imprecisos. Já o PLS é uma técnica mais robusta que não requer essas suposições e possui poucos problemas de estimação.

Quando a suposição de normalidade é violada no CB-SEM é possível utilizar estimadores robustos para a análise, mas se o tamanho da amostra for pequeno, o PLS deve ser utilizado. Com tamanhos de amostras grandes, os resultados dos dois métodos são similares.
Especificações do Modelo de Mensuração

O PLS trabalha tanto com constructos formativos, como reflexivos. O CB-SEM também trabalha com constructos formativos, mas para isso é necessário utilizar regras de especificação complexas e limitadas. Sendo assim, quando existem constructos formativos, é melhor optar pelo PLS. Além disso, se os termos de erro tiverem algum tipo de especificação adicional como covariância, o CB-SEM deve ser utilizado.

Leia mais: Constructos Formativos x Constructos Reflexivos

Especificações do Modelo Estrutural

Se o modelo estrutural é complexo (ex: modelo apresenta muitos constructos), é melhor utilizar o PLS, mas se o modelo é não-recursivo é necessário utilizar o CB-SEM. Cabe ressaltar que existem outros métodos que podem ser utilizados para ajustar modelos não-recursivos. Esses métodos poderão abordados em artigos futuros.

Validação do Modelo

O PLS não apresenta uma medida global de qualidade de ajuste do modelo, então se for necessário utilizar esse tipo de medida, é melhor utilizar o CB-SEM. Se for necessário utilizar os escores das variáveis latentes do modelo em análises posteriores, é melhor utilizar o PLS. Já para testar a invariância do modelo de mensuração, é melhor utilizar o CB-SEM.

Leia também: Equações Estruturais – Validação do Modelo de Mensuração

Caso tenha ficado alguma dúvida sobre as abordagens mais utilizadas em equações estruturais, não deixe de entrar em contato com nossos consultores. Você também pode se inscrever para receber nossas futuras publicações.

 

Artigo desenvolvido com a colaboração de Luana Sílvia dos Santos

Referências:

HAIR, Joe F.; RINGLE, Christian M.; SARSTEDT, Marko. PLS-SEM: Indeed a silverbullet. Journal of Marketing theory and Practice, v. 19, n. 2, p. 139-152, 2011.


Gostou deste conteúdo?
Inscreva-se para receber artigos, eBooks, planilhas, dicas e guias exclusivos.

Preencha seu melhor email!